Vice-presidente do MPLA: “Ano de 2016 representa vários desafios”

Improviso do camarada Roberto de Almeida na cerimónia de cumprimentos de ano novo, na Sede Nacional do Partido, em Luanda, a sete de Janeiro de 2016.

 

Luanda, 12 JANEIRO 16 (3ª FEIRA) – “É tradição o nosso Partido realizar, nos primeiros dias do ano, esta sessão de comprimentos.

Várias outras instituições realizam actividades relacionadas com a saída do ano anterior, para, numa base mais reflexiva, talvez poderem balancear o que foi o ano que findou.

Aqui, no Partido, nós optamos por fazer esta sessão de comprimentos no novo ano, apreciando já algumas das perspectivas de trabalho que temos pela frente.

É com bastante satisfação que saúdo a todos os presentes, ao mesmo tempo que aproveito para desejar-vos uma perspectiva de trabalho frutuoso em 2016 e muita saúde para todos, bem como as respectivas famílias.

Nós temos pela frente um ano que se prevê bastante difícil, porque temos uma conjuntura económico-financeira bastante desfavorável.

Mas, temos que manter o optimismo e o ânimo para vencermos essas dificuldades, pois o MPLA, é um Partido batalhador, é um Partido que já venceu outras batalhas, talvez mais difíceis do que esta.

Portanto, com agradecimento de ter manifestado a todos presentes, pelos votos de saúde, prosperidade e felicidade que dirigiram a mim e a minha família, quero desejar que todos estejamos animados com a maior boa vontade, para nos dedicarmos aos problemas com maior afinco, com maior dedicação, com o interesse único de elevarmos cada vez o nome do MPLA.

O ano de 2016 representa vários desafios.

A Direcção do Partido já tem aprovado o Plano Geral de Actividades para o corrente ano, no qual iremos destacar, dentro em breve, a Agenda Política do Partido, que também conterá várias orientações traçadas pelo Camarada Presidente José Eduardo dos Santos, nas várias intervenções que fez durante o ano que findou e na entrada do novo ano.

Por isso, quero desejar a todos que se empenhem com mais vontade, com maior espírito de ajuda, com maior dinamismo, para podermos cumprir as tarefes, que, na nossa qualidade de militantes de um Partido como o MPLA, é nossa obrigação executar. Muito obrigado a todos.

A luta continua

A vitória é certa”.

PortalMPLA/JA/DM/AB

Veja todas as notícias