Vice-presidente de Angola abre, em Luanda, plenária de bispos católicos africanos

O camarada Manuel Vicente, na foto, realçou, nesta 3ª feira (19), a satisfação das necessidades das famílias, nos domínios material, espiritual, religioso, cultural e moral.

 

Luanda, 19 JULHO 16 (3ª FEIRA) - O vice-presidente da República de Angola, camarada Manuel Vicente, na foto, inaugurou, nesta terça-feira (19), em Luanda, a 17ª Assembleia Plenária dos Bispos do Simpósio das Conferências Episcopais de África e Madagáscar, que decorre até domingo, 24.

Ao pronunciar o discurso de abertura, aquele dirigente, que falava na vez do mais alto mandatário da Nação angolana, Camarada José Eduardo dos Santos, realçou que a harmonia social, a reconciliação nacional e a consolidação da paz passam pela satisfação das necessidades da família, nos domínios material, espiritual, religioso, cultural e moral.

“O Governo deve, juntamente com outros parceiros sociais, como a Igreja, estudar as formas de cooperação, que garantam a manutenção do papel da família, como agente estruturante e estabilizador da sociedade”, referiu.

Ainda segundo Manuel Vicente, para a família dispor de uma base consolidada e duradoura, as suas relações internas devem assentar na igualdade do género, no amor, no afecto e no respeito recíproco.

Este encontro tem como tema “A família em África, ontem, hoje e amanhã, à luz do evangelho”.

PortalMPLA/AB

Veja todas as notícias