OMA abre, nesta quarta-feira, Jornada Março-Mulher de 2015

A organização feminina do MPLA  escolheu, para este ano, o lema “Mulher angolana, firme no resgate dos valores morais”.  Na foto, militantes da OMA, num acto de massas na província do Uíge, norte de Angola.

 

Luanda, 25 FEVEREIRO 15 (4ª FEIRA) - A OMA, organização feminina do MPLA, abre, nesta quarta-feira (25), em Luanda, a Jornada Março-Mulher de 2015, sob o lema “Mulher angolana, firme no resgate dos valores morais”, no quadro das celebrações dos dias da Mulher Angolana e Internacional da Mulher, a dois e oito do próximo mês, respectivamente.

Durante a jornada, a OMA (Organização da Mulher Angolana) vai realizar palestras, conferências, encontros, exposições fotográficas, solenidades comunitárias, patrióticas e de solidariedade, visitas a órgãos de Comunicação Social e marchas de apoio ao MPLA e ao Camarada José Eduardo dos Santos, Presidente do Partido e da República de Angola e Comandante – Em – Chefe das Forças Armadas Angolanas.

Com essas iniciativas, a OMA conta envolver o maior número de mulheres possível, em acções de promoção de valores cívicos e morais, de amor à Pátria angolana, de solidariedade para com o próximo, de convivência harmoniosa e de instrução ao tratamento honroso aos mais-velhos e aos deficientes físicos.

Tal como acontece nesta quarta-feira com o pontapé de saída da Jornada Março-Mulher, a província de Luanda vai albergar o Acto Central das festividades do Dia da Mulher Angolana, a dois de Março próximo.

PortaMPLA/ER/AB

 

Veja todas as notícias