MPLA NO PARLAMENTO: SG exige empatia entre deputados e eleitores

 










O camarada Paulo Kassoma abriu, nesta 3ª feira (27), a 2ª fase das 1ªs Jornadas Parlamentares do Partido.

Portal MPLA, 27 FEVEREIRO 18 (3ª FEIRA) - O secretário-geral do Partido, camarada Paulo Kassoma, declarou, nesta 3ª feira (27), na cidade de Ondjiva, ser necessário que os deputados do MPLA estejam suficientemente formados, para que o eleitor angolano se sinta representado e ganhe a empatia do cidadão e da sociedade.

Aquele dirigente, que discursava na abertura da segunda fase das 1ªs Jornadas Parlamentares do MPLA, que decorrem na província do Cunene, sul de Angola, realçou que “o conceito de posicionamento estratégico e da tomada de decisões no plano operativo requer dos órgãos de direcção do Partido e das suas estruturas uma capacidade apurada de adaptação às dinâmicas próprias das mudanças sociais, políticas e económicas”.

Neste sentido, o SG orientou os deputados a aprofundarem e consolidarem a compreensão e princípios dos valores éticos, morais e jurídicos, que permitam destrinçar e ponderar, com fundamento, os problemas sociais de forma coerente e realista, na defesa dos interesses dos cidadãos e do próprio MPLA.

Relativamente às jornadas, Paulo Kassoma afirmou que têm a finalidade de capacitar e elevar o potencial dos deputados do MPLA, no que se refere à sua atitude e intervenção nos processos decisórios da Assembleia Nacional e no seu alinhamento consciente e responsável ao programa e princípios orientadores do Partido.

Nesta fase derradeira, antecedida pelo trabalho de campo nos seis municípios da província, os deputados debruçam-se sobre a Agenda Política do MPLA para 2018, a Constituição da República, o Regimento da Assembleia Nacional, o Estatuto do Deputado, o Código de Ética e Decoro Parlamentar, os Estatutos do Partido e a Lei do Repatriamento dos Recursos Financeiros retidos no exterior de Angola.

/AB /

Fotos: DDS

Veja todas as notícias