MPLA NO PARLAMENTO: Denúncia à conduta negativa de opositores

O deputado João Pinto, na foto, disse, 2ª feira (17), em Luanda, que à UNITA e aos partidos que lhe seguem algo só é regular quando recebem dinheiro do Estado angolano.

Luanda, 18 OUTUBRO 16 (3ª FEIRA) - O 4º vice-presidente do Grupo Parlamentar do MPLA, camarada João Pinto, na foto, deplorou, segunda-feira (17), em Luanda, o comportamento negativo da UNITA e dos partidos que lhe seguem, em relação às questões do interesse nacional da República de Angola.

O deputado João Pinto, que falava à Imprensa, depois da sessão solene de abertura do novo Ano Parlamentar, declarou que os cidadãos angolanos estão a sentir-se cada vez mais agastados com o velho discurso de terra queimada e da negação das instituições do Estado angolano, o que demonstra falta de humildade democrática e muita mediocridade política.

Ainda sobre isso, o parlamentar fez notar que esses deputados, da oposição, nunca votaram pela aprovação de um Orçamento Geral do Estado (OGE) e de outras normas de iniciativa do Executivo, apesar de beneficiarem desses instrumentos.

Sobre ao que a UNITA e os partidos que lhe seguem chamam de “irregularidades” em torno do processo do Registo Eleitoral, o deputado considerou que para essa oposição algo só é regular quando recebe dinheiro do Estado.

PortalMPLA/AB

Foto: Angop

Veja todas as notícias