MPLA 60 ANOS: Declaração do Bureau Político do Comité Central

“O 10 de Dezembro de 1956 é uma data digna de figurar na História de Angola, por ser o marco da tomada de consciência e da união dos diferentes estratos sociais” – 09.12.16.

 

Luanda, 09 DEZEMBRO 16 (6ª FEIRA) – “A 10 de Dezembro de 2016, o MPLA celebra o 60.º aniversário da sua fundação, fruto de um longo percurso, para o qual contribuíram nacionalistas e patriotas de todas as camadas sociais e regiões de Angola.

O 10 de Dezembro de 1956 é uma data digna de figurar na História de Angola, por ser o marco da tomada de consciência e da união dos diferentes estratos sociais que constituem o tecido nacional, pois, foi nessa ocasião que foi divulgado o histórico Manifesto do MPLA, que indicava a luta revolucionária como o único caminho para o povo angolano libertar-se do colonialismo português.

Como o maior Partido de Angola, o mais capaz e o mais organizado, o MPLA nasceu da esperança de todo um povo e foi forjado na sua própria coragem, tendo-se transformado, quantitativa e qualitativamente, ao longo da sua existência. De um amplo Movimento Popular de Libertação de Angola, o MPLA transformou-se em Partido selectivo e, posteriormente, em Partido de massas e de quadros, para vencer todos os desafios e realizar a sua missão política e social de cada etapa histórica.

O MPLA é o elemento catalisador que conduziu à vitória sobre o colonialismo e à conquista da Independência Nacional de Angola, sob a firme liderança do saudoso Camarada Presidente Agostinho Neto. Refundado, em 10 de Dezembro de 1977, como Partido, pôs fim às agressões militares externas, garantiu a conquista da paz e tem vindo a consolidar o Estado democrático de direito.

Tudo isso foi obtido graças à bravura de milhares de filhos da Pátria angolana, à dedicação dos seus dirigentes em várias etapas, à qualidade, responsabilidade e honestidade dos quadros e ao sentido de fidelidade de milhões de militantes aos princípios que juraram defender.

Sendo depositário da confiança de muitas gerações, o MPLA celebra o 60.º aniversário da sua fundação com um sentimento de orgulho, pelas vitórias conseguidas para o Povo Angolano e de reflexão pela enorme responsabilidade, resultante do lugar singular que a História de Angola e as aspirações do Povo lhe conferem.   

Angola está a viver um momento crucial. A actual situação económica e financeira, motivada pela queda brusca do preço do petróleo no mercado internacional, está a causar constrangimentos à economia angolana e à população em geral, colocando-a perante grandes desafios.

Com o propósito de analisar a situação política, económica e social do País, o MPLA realizou, neste ano, o seu 7º Congresso Ordinário, que traçou orientações pertinentes, que se traduzem numa melhor coordenação da política macroeconómica, de forma a que se produzam reflexos positivos na execução da política monetária, fiscal e de rendimentos e preços e na economia real.

Como confirmou o Camarada Presidente José Eduardo dos Santos, no seu discurso de abertura da 2ª Sessão Ordinária do Comité Central do MPLA, a dois de Dezembro corrente, “a execução da Estratégia para a Saída da Crise ganhou um novo fôlego, a implementação do programa de adequação do Banco Nacional de Angola e do sistema bancário nacional à legislação nacional e internacional e às boas práticas universais está no bom caminho, assim como a reorganização e melhoria da gestão da Sonangol”.

As comemorações do 60.º aniversário da fundação do MPLA ocorrem alguns meses antes de os angolanos irem às urnas, pela quarta vez, nas Eleições Gerais de 2017, para escolherem os seus representantes, através do sufrágio universal directo.

Nesta conformidade, o Bureau Político do Comité Central exorta os militantes, simpatizantes e amigos do MPLA e os cidadãos em geral a actualizarem ou obterem o seu Cartão de Eleitor, para estarem prontos a votar em 2017, pois que o objectivo do Partido é o de vencer mais este desafio. Para o efeito, é imperioso muito trabalho, disciplina e a coesão da grande família MPLA.

Considerando que a histórica empatia entre o Povo Angolano e o MPLA esteve sempre na base da sua trajectória de luta e de vitórias, o Partido enaltece a confiança que os angolanos depositam em si e reafirma que, juntos, vamos continuar a trilhar o caminho, em prol da realização dos mais profundos anseios dos cidadãos.

Neste momento de grandes constrangimentos a superar, mas também de festa, o MPLA renova, em nome dos seus militantes, simpatizantes e amigos, o seu firme propósito de continuar a luta em defesa da Independência Nacional, de consolidação da paz, do reforço da democracia e de preservação da unidade e coesão nacional, para que sejam garantidos os pressupostos básicos necessários ao desenvolvimento, para melhorar a qualidade de vida dos angolanos, para elevar a inserção da juventude na vida activa, para apoiar o empresariado nacional e para reforçar a inserção competitiva de Angola no contexto internacional.

MPLA – COM O POVO, RUMO À VITÓRIA

PAZ, TRABALHO E LIBERDADE

A LUTA CONTINUA

A VITÓRIA É CERTA.

Luanda, 09 de Dezembro de 2016.

O BUREAU POLÍTICO

DO COMITÉ CENTRAL DO MPLA.

PortalMPLA/Sede Nacional do Partido

 

Veja todas as notícias