Luanda: OMA abre jornada Março-Mulher na Quiçama

Quiçama

As actividades do 51º aniversário da organização feminina do MPLA e do Dia da Mulher Angolana iniciaram terça-feira, 26. Na foto, uma actividade de massas da OMA, em Luanda.  

Luanda, 27/02 - O Comité Provincial de Luanda da OMA abriu (26), no município da Quiçama, a Jornada Março-Mulher, no quadro das comemorações do 51º aniversário da fundação da organização feminina do MPLA e do Dia da Mulher Angolana, a comemorar-se a dois de Março próximo.

Esta jornada, que decorre sob o lema “OMA, na promoção da solidariedade e coesão social”, tem como principais objectivos enaltecer o seu papel, como mediadora de conflitos familiares, através do trabalho desenvolvido nos centros de aconselhamento jurídico e evidenciar os esforços do Executivo angolano no combate à violência doméstica.

Na sua mensagem de boas-vindas, as militantes do município da Quiçama reiteraram o seu compromisso em se empenharem nas actividades da organização, para o seu engrandecimento e enalteceram o empenho do Executivo angolano e da OMA na execução dos muitos projectos que visam melhorar a qualidade de vida das comunidades.

A comitiva da Direcção da OMA, chefiada pela respectiva secretária provincial, camarada Eulália Rocha, ofertou, à Administração da Quiçama, cadeiras de rodas, motorizadas, bicicletas, fardos de roupa usada e 30 kits de trabalho para as parteiras tradicionais.

Antes do acto político-cultural, a delegação, que integrou, também, o segundo-secretário do Comité Provincial de Luanda do MPLA, camarada Jesuíno Silva, visitou o Hospital Municipal, onde ofereceu enxoval para duas crianças recém-nascidas e material de limpeza, a Fortaleza local e o Santuário católico da Muxima.

FonteANGOP/AB

Veja todas as notícias