Huambo: Quinhentos ex-militantes da UNITA ingressam no MPLA

Cidadãos dispostos (11) a participar, activamente, na modernização de Angola.

 

Huambo, 12 DEZEMBRO 13 – Mais 500 cidadãos, até agora militantes da UNITA abandonaram o seu partido e ingressaram (11) nas fileiras do MPLA, na cidade do Huambo.

Em declarações aos jornalistas, na cerimónia pública de ingresso, Ernesto Samondo Belo, um dos 500 dissidentes, disse que o seu ingresso e dos seus companheiros nas fileiras do MPLA foi feito por iniciativa própria, por estarem de acordo com o seu Programa e Estatutos e por considerarem que é a única formação política que defende os interesses de todo o povo e o seu bem-estar económico e social.  

Depois de assumir o seu compromisso e dos seus companheiros para com o MPLA, Ernesto Samondo Belo afirmou que os 500 dissidentes ingressam no Partido de forma consciente, estando dispostos a contribuir para a materialização do seu Programa e difundir os seus Estatutos.

“Estamos dispostos a contribuir, activamente, para a materialização do Programa do MPLA, visto que é o único Partido virado para a solução dos problemas das populações”, disse.

Ernesto Samondo Belo assegurou que os novos militantes comprometem-se em participar activamente na vida política e social do país.

PortalMPLA/JA/AB

Veja todas as notícias