FIDEL CASTRO: Delegação do MPLA nas exéquias, em Cuba

A comitiva deixou Luanda 2ª feira (28) e é encabeçada pelo secretário-geral do Partido, camarada Paulo Kassoma, na foto.

 

Luanda, 29 NOVEMBRO 16 (3ª FEIRA) – Uma delegação do MPLA, chefiada pelo seu secretário-geral, camarada Paulo Kassoma, na foto, deixou, ao fim da tarde de ontem, segunda-feira (28), Luanda, com destino à Havana, Cuba, onde vai participar nas cerimónias oficiais de homenagem ao Comandante Fidel Castro.  

Seguiram com o SG, os camaradas António França “Ndalu”, membro do Bureau Político do Comité Central do MPLA, Roberto Monteiro “Ngongo”, membro do Comité Central e Gaspar Rufino, secretário de Estado para a Política de Defesa Nacional.

A esposa e viúva do Fundador da Nação Angolana, camarada Maria Eugénia Neto e o embaixador de Angola na Argélia, José Condesse de Carvalho “Toka”, embarcados em Argel, vão juntar-se à delegação do Partido, já em Havana.

Na sua Mensagem de Condolências, pela morte do Comandante Fidel Castro, datada de 26 de Novembro corrente, o Bureau Político do Comité Central do Partido realçou que “um profundo pesar abala o MPLA e o Povo Angolano, que sempre viram nele um amigo e companheiro de todas as horas, cujo papel foi determinante para a derrota dos exércitos invasores do então regime do apartheid da África do Sul e do ex-Zaíre, que pretendiam impedir a proclamação da Independência Nacional de Angola, em 11 de Novembro de 1975 e a sua consequente consolidação, até aos dias de hoje”.

PortalMPLA/AB

Veja todas as notícias