Cuba: OSPAAAL homenageia camarada Paulo Jorge, nacionalista angolano

O ex-secretário do Bureau Político do Comité Central do MPLA para as Relações Internacionais, na foto, foi recordado, 3ª feira (26), em Havana, pelo seu papel na fundação e consolidação da organização tricontinental.

 

Havana, 28 ABRIL 14 (5ª FEIRA) - A Organização de Solidariedade dos Povos de África, Ásia e América Latina (OSPAAAL) homenageou, 3ª feira (26), em Havana, Cuba, o nacionalista angolano e ex-secretário do Bureau Político do Comité Central do MPLA para as Relações Internacionais, camarada Paulo Teixeira Jorge, pelo seu destacado papel na fundação e consolidação desta estrutura tricontinental. 

Na abertura de uma cerimónia oficial de comemorações, a sua secretária-geral, a cubana Lourdes Cervantes Vásquez, lembrou o trabalho do diplomata Paulo Jorge, como fundador da OSPAAAL e a sua luta em prol dos movimentos de libertação em África e noutros continentes.

O primeiro embaixador da República de Cuba em Angola, Oscar Oramas, por seu lado, passou em revista os momentos significativos da vida do falecido dirigente angolano e da sua relação com os revolucionários cubanos, que exerceram, também, um papel determinante à proclamação (11.11.1975) e manutenção da Independência Nacional de Angola.

No final da actividade, o embaixador da República de Angola em Cuba, José César Augusto “Kiluanji”, recebeu, das mãos secretária-geral da OSPAAAL, um Diploma pela participação do camarada Paulo Jorge na fundação da organização.

A OSPAAAL surgiu a partir da convocação da Conferência Tricontinental, em 1966, em Havana, liderada pelo comandante Che Guevara e por Mehdi Ben-Barka, em que participaram sectores revolucionários dos três continentes. O seu órgão ideológico, a Revista Tricontinental, foi publicado a 16 de Abril de 1967.

O camarada Paulo Jorge faleceu em 26 Junho de 2010, em Luanda, por doença.

PortalMPLA/AB

Veja todas as notícias