Covid-19 provoca redução das receitas cambiais

A queda do preço do petróleo motivada pela Covid-19 provocou, dentre outros estragos na economia nacional, a redução das receitas cambiais e, como consequência, a diminuição da capacidade de pagamentos do exterior, a redução das receitas fiscais do Estado, comprometendo a implementação de muitos dos seus programas e projectos, para além da redução da capacidade de endividamento do país no exterior, anunciou o Presidente da República, Camarada João Lourenço, no diálogo que manteve com a sociedade civil, na sexta-feira, 29 de Maio de 2020.

A recuperação do preço do ouro negro registada nos últimos dias, numa dinâmica bastante lenta, com a média a rondar os 30 dólares por barril, não representa ainda factor de reanimação da economia nacional, a considerar a escala da queda entre o início de Janeiro de 2020 e o final do mês de Março, que foi de 67%, ao sair de 69 para 22 dólares americanos por barril.

Para fazer face a esta situação, o Presidente da República, Camarada João Lourenço, revelou que o Executivo adoptou um conjunto de medidas das quais se destaca a necessidade de revisão do OGE para o ano de 2020, tendo em vista, acima de tudo, a alteração que se impõe sobre o preço de referência do barril de petróleo dos actuais 55 dólares americanos para um valor mais realista e compatível com a tendência actual que se verifica na trajectória do preço do crude no mercado internacional.
CC

Veja todas as notícias